2 de jan de 2009

As luas do meu quarto não me iluminam mais
as paredes já não me protegem
estou nu no frio da primavera
sem nome, sem dono
sem ninguém á quem olhar
até meu ursinho está me cuidando
receoso de que eu faça alguma besteira
quero confiança
é só o que eu quero
me dê um pouquinho
me dê seu colo
seu carinho
um beijo e um abraço
um sorriso

Nenhum comentário:

Postar um comentário