27 de out de 2010

017744-0 Glória Priscila Souza Martins 87 Aprovado 22 87 - Teatro - Licenciatura

essa é a melhor sensação de toda a minha vida!!!
eu passei na prova específica de teatro da UFRGS meooo

:D

tou muito, muito, muito feliz!!!

22 de out de 2010

Quando abri meus braços para o céu
começou a chover sangue
as nuvens se formavam á tal velocidade
que comecei a me perguntar
de onde estaria evaporando tudo aquilo
foi quando olhei para mim mesma e notei
que o fogo da paixão evaporava o sangue
de todos aqueles que não tinham o seu objeto de afeição junto á si
a vida se esvaía de nossos corpos
por um dos vários sentimentos juvenís
e caíamos sem vida encima das possas
que refletiam um céu roxo e sombrio.

7 de out de 2010

Nosso

O teu e o meu é o desejo
o meu é o tempo,
o teu é o andar.
O teu e o meu é o beijo
o meu é o medo,
o teu é o vagar.
O teu e o meu é o momento
o meu é o eterno,
o teu é o tocar.
O teu e o meu é o vento
o meu é o perfume,
o teu é o consumar.
É no fundo do teu olhar que eu vejo
o medo de se machucar.
É no som da tua risada que eu sei
que a vida vale muito mais.
É no toque da tua mão que eu sinto
que se estou aqui, é para me entregar.
É no teu abraço forte e demorado que eu percebo
que contigo eu posso contar.

Sempre agora

Sempre que te vejo assim sorrindo
olhando pro lado, me fazendo te amar.
Sempre nesse sempre tão profundo
que sempre imaginamos, nunca vai acabar.
Sempre na magia dos momentos,
na insignificância dos tormentos,
por ao teu lado estar.
Sempre na leveza do tempo,
na percepção dos perfumes,
e dos sorrisos no olhar.

Não existe razão

Ele nasceu
no lugar errado,
Ele doeu
na hora errada,
Ele sofreu
dentre os mais alegres,
Ele caiu
na armadilha da lebre,
Ele sumiu
quando mais lhe esperavam,
Ele mergulhou
onde não havia volta,
Ele definhou
nos braços mais fortes.

Ao fundo toca:
"E quem um dia irá dizer
Que existe razão
Nas coisas feitas pelo coração?
E quem irá dizer
Que não existe razão!"