19 de jan de 2009

Minha mente me reporta ao teu ser
ser diferente, desigual
não é normal um amor assim
não cuido mais nem de mim
só penso em ti, nada mais
não sobreviverei jamais
á tal provação
provação de amor
que me faz sentir dor
por não te-li aqui, agora
sem demora, vou embora
para te achar em meu ser
e me deixar viver em paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário