2 de out de 2009

Desespero represado
e a planície continua calma
os ribeirinhos todos tensos
só esperando o pior acontecer
mas no coração a certeza
de que amanhã demanhã fará sol
sabem que não será o suficiente
mas já vai ajudar
esperam o dia em que o sol brilhe intensamente
e que os diques possam enfim descansar
sabem que tudo isso é necessário
para que tenham energia
mas não queriam que fosse assim tão difícil
deveriamos nos mudar deste lugar
disseram alguns
mas não tem condições de viver nem onde estão
qualquer mudança significaria a morte
poderiam pedir ajuda
mas seria admitir que não consequem cuidar das próprias vidas
a única esperança é o sol
ele está detrás daquelas nuvens
só resta esperar que apareça
mesmo que ele seque tudo
o seu calor é necessário, esperado
o seu calor é tudo de que eles precisam agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário